Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]




por The Cat Runner, em 13.10.16

ALICE E A AUSTERIDADE

IMG_1826_Easy-Resize.com.jpg

 

 

Dia 13

13/10/2016

 

Sobre política...

 

Há pessoas que ainda não deram conta, até mesmo aquelas pessoas que dizem: “ai” (adoro ouvir frases começadas por ai, até eu, por vezes) “eu cá não ligo nada à política, são todos iguais, farinha do mesmo saco, enfim...” (adoro ouvir frases – e ler – que acabam com enfim), dizia eu, há pessoas que ainda não deram conta que a vida é política.

Parei o parágrafo que já ia longo, e mandam as regras da escrita que, quanto menos melhor. Jobs foi aluno de Gutenberg, se me faço entender.

Retomo agora;

A vida é política, na exacta medida em que temos que planear estratégias, definir objectivos, gerir orçamentos, tomar decisões. Nessa medida, a vida é composta por actos políticos.

Até mesmo alta diplomacia, a vida é também alta diplomacia. Tudo se encaixa.

Eu explico.

Há onze anos eu e a minha mulher ganhávamos mais salário, tínhamos mais rendimento, que actualmente, onze anos depois.

Colombo descobriu não sei o quê, mas a Terra, garanto, aqui, não é redonda, é chata.

Portanto, sem qualquer tipo de aumento, ao longo de onze anos, com menos rendimento ou salário, por via de cortes (?) e de aumento de impostos, e do custo de vida, e da crise, vi os meus filhos tomarem qualquer coisa estranha, que os fez ter barba, ele, e mala de mulher, ela.

Onze anos depois, ele, quase a terminar o liceu, e ela no segundo terço do caminho.

Acresce as saídas à noite, os jantares com os amigos, a vida deles.

Contas feitas, que não se fala de dinheiro em público, onze anos depois a balança está desequilibrada, mas não devia.

Somos vítimas da situação.

Dizia, menos rendimento, muitos impostos, muitas despesas “novas”, mas cá se vai gerindo a coisa, que Colombo descobriu não sei o quê, mas eu tenho uma gata.

Tudo isto, juro, a propósito de Alice.

Pois...

Mais um a comer à mesa (na dela), como diriam nos idos de quarenta do século passado.

Ora, continuando nas contas, Alice veio somar.

Alegria, ternura, surpresa, união, carinho e, como alguém disse hoje, um gato torna uma família (ainda) mais feliz. Acho que foi a Catarina.

Mas, somar é quando uma gata quiser.

Também veio somar mais custos.

A veterinária ainda hoje disse que Alice tem...um quilo.

Em treze dias, 600 gramas em 13 dias. O olho direito ainda está diferente, mas vai melhorar, mais ainda.

Sim, aprendi com Alice que temos que pagar o veterinário.

Agora, Alice também entra na minha lista de compras.

Aponto tudo no bloco de notas do iPhone. Hoje tinha também “comida Alice”.

Eis quando, dou comigo, pasmado, incrédulo, mesmo, abismado, a olhar para o alto.

Para cima.

Depois, para baixo, percorrendo com o olhar toda uma enorme prateleira de hipermercado, dedicada a gatos.

A sério, nunca tinha visto nada assim na minha longa/média existência.

Não fixei, mas havia de tudo, ração, granulados ou lá o que era, snacks, snacks com sabor a Ocean, milhões de pacotes com milhões de diferentes comidas para gatos. Com preços, qualidade, quantidade, variedade, para todas as bolsas e gatas e gatos e tudo.

Não me dei por vencido.

Olhei para o meio daquela babilónia colorida, e uma palavra se destacou, em tons de rosa, júnior, meus amigos, júnior era a palavra-chave, aquilo que eu precisava.

Tirei uma foto, enviei à minha mulher, com a seguinte mensagem: “é isto?”.

Segundos depois: “já comprei!”.

Suspirei de alívio. (Peço milhões de desculpas pela publicidade, mas não consegui contornar, o que é chato, admito, mas paguei o mesmo.)

IMG_1822_Easy-Resize.com.jpg

 

Coloquei o pacote na prateleira (por acaso é igual ao que temos cá em casa, estou a ficar especialista na gastronomia felina), respirei fundo, peguei num pacote de snacks e enfiei-o no carrinho das compras.

Não sei o que foi aquilo;

Apeteceu-me fazer uma grande surpresa a Alice, como faço às vezes (cada vez menos, mas não devia) aos meus filhos, e trazer-lhe um pacote de snacks, para comemorar o seu primeiro quilo.

Depois consultei o talão do multibanco que, solidário comigo, vem também ele em tamanho mais pequeno, é um facto.

Mas vou fazer o quê?

Eu adoro fazer surpresas!

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 23:59


7 comentários

De Rita a 14.10.2016 às 09:23

É todo um mundo a descobrir! :-)

De The Cat Runner a 15.10.2016 às 17:34

Cada vez mais :)

De marta-omeucanto a 14.10.2016 às 09:52

:) Os veterinários não gostam muito que os donos dêem esta comida aos gatos, pelo menos até completarem um ano. É que nesta fase de crescimento e desenvolvimento, é aconselhável uma alimentação mais rica e cuidada. Foi a conversa que também nós ouvimos quando fizemos a questão ao veterinário. A nossa anterior gata sempre comeu Friskies (era a única que gostava). Morreu de morte súbita aos 3 anos, talvez com uma veia entupida ou algo do género, ninguém sabe. Pode ter sido muita coisa, pode não ter nada a ver. Conheço gatos que comem este tipo de ração e vivem anos e anos.
Com as duas actuais bebés, devido aos problemas delas, tivemos logo que dar comida especial, da Royal Canin, caríssima. Sugeriram também a Specific, mas a diferença era pouca. Comecei a comprar Cat Shaw numa loja de animais, ficava em 1/3 do preço e era razoável, mas tivemos que mudar novamente.
Longe vão os tempos em que a nossa anterior gata se deliciava com miolo de pão e manteiga, leite do nosso, uns pedacinhos de fiambre, umas lascas de peixe ou carne da nossa.
Agora, escaldados que estamos, só mesmo a ração delas, que o meu marido faz questão de comprar, apesar do preço ainda assim exorbitante. Mas pelo menos dão-se bem com ela, e comem bem.
Se fosse por mim, teria que me virar para algo mais barato, porque elas comem tudo num instante!

De The Cat Runner a 15.10.2016 às 17:35

tudo a seu tempo :)

De Loulou a 14.10.2016 às 10:20

Que boas notícias (a Alice ganhar peso!) em relação ao resto...
... perdoa-se o mal que nos fazem à carteira com o bem que nos fazem à alma...
Bom fim de semana para todos!

De The Cat Runner a 15.10.2016 às 17:35

Bom fim de semana,
obrigado pela vossa "participação".
:)

De Marta a 15.10.2016 às 22:59

Não embarque na compra de grandes embalagens para poder variar de ração e deixar a gatinha satisfeita. E a ração húmida ttambém deve entrar na dieta de vez em quando.

Comentar post



Uma cena sobre corrida em geral e running em particular e também sobre a vida que passa a correr. Aqui corre-se. Aqui só não se escreve a correr. Este não era um blog sobre gatos. A culpa é da Alice.

Mais sobre mim

foto do autor



Arquivo

  1. 2019
  2. JAN
  3. FEV
  4. MAR
  5. ABR
  6. MAI
  7. JUN
  8. JUL
  9. AGO
  10. SET
  11. OUT
  12. NOV
  13. DEZ
  14. 2018
  15. JAN
  16. FEV
  17. MAR
  18. ABR
  19. MAI
  20. JUN
  21. JUL
  22. AGO
  23. SET
  24. OUT
  25. NOV
  26. DEZ
  27. 2017
  28. JAN
  29. FEV
  30. MAR
  31. ABR
  32. MAI
  33. JUN
  34. JUL
  35. AGO
  36. SET
  37. OUT
  38. NOV
  39. DEZ
  40. 2016
  41. JAN
  42. FEV
  43. MAR
  44. ABR
  45. MAI
  46. JUN
  47. JUL
  48. AGO
  49. SET
  50. OUT
  51. NOV
  52. DEZ
  53. 2015
  54. JAN
  55. FEV
  56. MAR
  57. ABR
  58. MAI
  59. JUN
  60. JUL
  61. AGO
  62. SET
  63. OUT
  64. NOV
  65. DEZ
  66. 2014
  67. JAN
  68. FEV
  69. MAR
  70. ABR
  71. MAI
  72. JUN
  73. JUL
  74. AGO
  75. SET
  76. OUT
  77. NOV
  78. DEZ
  79. 2013
  80. JAN
  81. FEV
  82. MAR
  83. ABR
  84. MAI
  85. JUN
  86. JUL
  87. AGO
  88. SET
  89. OUT
  90. NOV
  91. DEZ