Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]




por The Cat Runner, em 13.10.16

A JUSTIÇA E O PHOTOSHOP

 

maria_lurdes_Easy-Resize.com.jpg

 

 

Desta vez o meu texto será curto.

Prometo.

Um texto indignado, logo curto.

Que coisas longas tiram a indignação.

“Uma mulher de 47 anos vai entrar para a história da Justiça em Portugal como uma das poucas pessoas que estão condenadas a cumprir pena efetiva de prisão (três anos) por crimes menores como injúria ou difamação. Entre as várias pessoas que ofendeu consta o antigo procurador-geral da República Pinto Monteiro. A PSP vai cumprir o mandado de detenção nos próximos dias.”

Não acrescento muito mais a esta notícia.

Agora, uma curta, mas longa lista de cidadãos portugueses que cumprem coisa nenhuma.

Curta porque há mais cidadãos nestas condições.

Longa, porque mais que um já é muito.

Não consta, também, que alguns destes cidadãos tenham cometidos os crimes de injúria ou difamação, antes pelo contrário.

Uma curta lista:

Ricardo Salgado.

Dias Loureiro.

Lima Duarte.

Armando Vara.

José Sócrates.

José Penedos.

Miguel Relvas.

Miguel Macedo.

João Rendeiro.

Maria de Lurdes Rodrigues.

Isaltino Morais.

A lista era curta, prometi, mas podia gastar umas largas páginas.

A imaginação de vossa excelência, que me dá o privilégio do seu tempo, a ler-me, vai fazer o resto, e acrescentar muitos mais nomes, que não estando nesta lista, estão envolvidos em casos ou eventuais casos, com diferentes enquadramentos polémicos e por explicar.

Cavaco Silva.

Pedro Passos Coelho (MR).

Rui Rangel.

José Maria Ricciardi.

Álvaro Sobrinho.

Sim, apelo de novo à sua imaginação e ou memória.

Pois bem, esta senhora, que vai passar três anos na prisão, por crimes de injúrias ou difamação, será porventura a única portuguesa português) a ser presa(o), em Portugal, por um crime sobre o qual eu, na minha condição de jornalista, já respondi umas seis vezes em tribunal.

Ganhei todas as acções. Inocente. Em todas.

Estes crimes são passíveis do direito penal, a honra deve ser defendida.

Há crimes incomparavelmente mais danosos, graves, imorais, crimes que até merecem ser injuriados e difamados, que neles está envolvido, mesmo sob pena de ir parar à prisão, durante três anos.

A senhora tem nome, tal como todos os senhores que mencionei.

Mas, não o revelo – ele é público, está nos media -, porque ela está presa, nos próximos três anos.

Revelo os nomes que revelei, porque nem sequer sabemos bem onde estão, mas uma certeza temos: presos não estão!

Excelente passo, dado pela Justiça, para moralizar e credibilizar a Justiça, essa coisa que às vezes até parece que não tem nada a ver com juízes.

Façam debates, cínicos, que ficam bem na fotografia.

Mas, cuidado, hoje em dia há por aí muito Photoshop.

E, acabou.

Eu prometi que ia ser curto!

 

 

 

 

 

 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 21:15


3 comentários

De Manuela G. a 14.10.2016 às 13:15

Ipsis Verbis.

De The Cat Runner a 15.10.2016 às 17:37

A credibilidade da Justiça devia, há muito, ter começado pela própria Justiça, que é quem mais a denigre.

De amoraconversa a 17.10.2016 às 17:46

Vergonhosamente triste!

Comentar post



Uma cena sobre corrida em geral e running em particular e também sobre a vida que passa a correr. Aqui corre-se. Aqui só não se escreve a correr. Este não era um blog sobre gatos. A culpa é da Alice.

Mais sobre mim

foto do autor



Arquivo

  1. 2019
  2. JAN
  3. FEV
  4. MAR
  5. ABR
  6. MAI
  7. JUN
  8. JUL
  9. AGO
  10. SET
  11. OUT
  12. NOV
  13. DEZ
  14. 2018
  15. JAN
  16. FEV
  17. MAR
  18. ABR
  19. MAI
  20. JUN
  21. JUL
  22. AGO
  23. SET
  24. OUT
  25. NOV
  26. DEZ
  27. 2017
  28. JAN
  29. FEV
  30. MAR
  31. ABR
  32. MAI
  33. JUN
  34. JUL
  35. AGO
  36. SET
  37. OUT
  38. NOV
  39. DEZ
  40. 2016
  41. JAN
  42. FEV
  43. MAR
  44. ABR
  45. MAI
  46. JUN
  47. JUL
  48. AGO
  49. SET
  50. OUT
  51. NOV
  52. DEZ
  53. 2015
  54. JAN
  55. FEV
  56. MAR
  57. ABR
  58. MAI
  59. JUN
  60. JUL
  61. AGO
  62. SET
  63. OUT
  64. NOV
  65. DEZ
  66. 2014
  67. JAN
  68. FEV
  69. MAR
  70. ABR
  71. MAI
  72. JUN
  73. JUL
  74. AGO
  75. SET
  76. OUT
  77. NOV
  78. DEZ
  79. 2013
  80. JAN
  81. FEV
  82. MAR
  83. ABR
  84. MAI
  85. JUN
  86. JUL
  87. AGO
  88. SET
  89. OUT
  90. NOV
  91. DEZ